L200
utkW6xB.png

Para todos os recrutas da recém-formada Superintendência do Paranormal, eu dou as boas-vindas; se você está aqui, é sinal que você está entre os melhores homens e as melhores mulheres que este país tem a oferecer.

Por que estamos aqui?

Como eu já disse, nós selecionamos os melhores dos melhores que este país tem a oferecer. Quando a independência do povo brasileiro está em jogo, é necessário dar tudo de si para entender as forças do além para estarmos sempre um passo à frente daqueles que farão de tudo para ferir à nação.

Por isso, chamamos vocês, soldados, engenheiros, pensadores e tudo o mais, precisamos estar preparados em todas as frontes, mundanas ou não.

Qual é a missão da Superintendência Brasileira do Paranormal?

Em um mundo onde o paranormal é real e o incompreensível é mais um potencial recurso para o engrandecimento da nação, a Superintendência do Paranormal visa continuar a missão do defunto Conservatório da República ao restabelecer a presença estatal no cenário anômalo e competir contra organizações estrangeiras.

Ao se juntar à Superintendência do Paranormal, vocês juram a mais absoluta lealdade à nação brasileira, portanto, saibam que tudo que vocês verão é altamente confidencial e jamais deve ver a luz do dia a menos que autorizado pela Superintendência.

GdI-096: "Superintendência Brasileira do Paranormal"

plVOvVT.png

Período de atividade: 1964-1992

Recursos: R$ XXX,XXX,XXX anualmente (verba estatal + outros), capacidade anômala

Área de Atividade: República Federativa do Brasil

Status: Desativado

Resumo: A Superintendência Brasileira do Paranormal foi um órgão estatal do governo brasileiro criado durante o regime militar visando reinstaurar a presença do estado no cenário anômalo, em detrimento de outras organizações e grupos atuantes no país, e promover o desenvolvimento do país nesse mesmo cenário.

Descrição: Fundada em ██ de Abril de 1964, pouco após a instauração do regime militar no país, a Superintendência Brasileira do Paranormal foi a principal organização paranormal atuante em território brasileiro durante o governo militar, continuando assim até um incidente que resultou em fortes perdas para o órgão que eventualmente levariam à aquisição de seus recursos remanescentes para formar a atual filial lusófona da Fundação SCP.

Como um órgão de inteligência de natureza científico-militar, a SBP estudava, continha e desenvolvia anomalias visando o desenvolvimento do Brasil no cenário anômalo, também trabalhando para neutralizar anomalias de baixa ou nenhuma utilidade para a instituição.

Apesar de submetida à administração do Ministério da Defesa, do alto-escalão militar e do Presidente da República, a SBP apresentava uma alta autoridade fora do contexto mundano e influenciou diretamente na instituição de Atos Institucionais Ocultos, normalmente instituídos junto a Atos Institucionais mundanos, sendo o mais notável o AIO-2, instituído junto ao AI-3, que deu à Superintendência a autoridade para confiscar ativos e passivos de outras organizações diretamente envolvidas no cenário paranormal.

Acredita-se que, como consequência direta do AIO-2, diversos grupos, pessoas e objetos de interesse da defunta Fundação Brasileira tenham sido eliminados, neutralizados ou mesmo perdidos no processo de apreensão.

Site-2021K | Contact | License | Made with ❤️ in Seoul